#Busted: roubei os sapatos à minha avó (e não tenho vergonha)


Sapatos tacão Stradivarius

Zero. Nada de nada. Nunca me senti tão bem. Já devem estar a pensar que estou completamente maluca, mas não é bem assim. Vá, não roubei nada.


Uma coisa é certa: algum designer entrou na casa da minha avó à socapa e tirou-lhe as medidas aos sapatos. Só pode ser isso. Esta é a única explicação para as lojas terem imensos modelos tipo salão. E sabem que mais? Adoro-os. Estão mais modernos e podem complementar vários estilos.

“Ó avó, mas que sapatos são esses?”. “Devias calçar uns sapatinhos mais modernos”. “Eu até te posso ajudar e vamos às compras juntas”. Sim, eu sei, já me enterrei completamente. Isto aconteceu no preciso momento em que entrei na Stradivarius e fiquei deslumbrada com os sapatos da direita. Nesse dia, a minha mãe estava comigo e comentou “isto é mesmo assim, a moda vai e volta”. E tem razão, depois daquelas calças que as nossas mães usavam (quase) até ao pescoço, as mom jeans, ou dos ténis com as solas super altas, chegou o momento de glória dos sapatos da avó.

Conclusão da história: não gozem com o vestuário das vossas avós, pois nunca se sabe o dia de amanhã. O que me vale é que a minha é tão querida que não me vai espicaçar. Dica do dia: ponderem bem antes de dizer adeus àquele casaco que já não usam há três anos, visto que pode vir a ser tendência do ano seguinte.

E se hoje me virem super feliz a passear com eles nos pés, não se admirem.


Na galeria abaixo, podem encontrar algumas sugestões até 20€.



Também vais querer ler isto