A minha maquilhagem para o Halloween


Nunca tinha feito nada do género, mas há uma primeira vez para tudo. Aventurei-me, consegui com que parecesse que me tinham passado dois pneus pela cara e, no final, lá fiquei com um ar (quase) assustador. Ora vejam.



"Faço? Não faço? Faço? Não faço?" — estava super na dúvida se me aventurava numa maquilhagem de Halloween ou não. Porquê? Porque nunca tinha feito nada do género e tinha receio de que não ficasse como todos estavam à espera, embora nem eu soubesse do que estava à espera.


No entanto, acabei por me aperceber que não interessa se fica perfeita ou não. O que quero dizer com isto é que apenas vos quero inspirar, depois cada um faz à sua maneira e dá o seu toque pessoal. Sendo uma maquilhagem para o Dia das Bruxas, queria algo imperfeito, estranho e até bizarro. Se consegui? Não sei bem, mas que fiquei com um ar assustador fiquei.


Portanto, é disso mesmo que se trata: inspiração e imperfeição. E agora que vejo o resultado final, acho que ficou super original. Na verdade, parece que passaram dois pneus pela minha cara.


Para esta maquilhagem utilizei oito produtos. Entre eles, está um que sempre (mas sempre) quis experimentar: o sangue artificial.


Vejam o resultado no novo vídeo d' A Miúda. E não se esqueçam de subscrever o canal.


Também vais querer ler isto